Jean Paul Gaultier: Especial Londres

Jean Paul Gaultier: Especial Londres

 

SOBRE ELE

Gaultier começou sua carreira enviando seus desenhos aos estilistas famosos de alta costura quando era muito jovem. Em 1970 Pierre Cardin se impressionou com seus desenhos e o contratou como assistente. A primeira coleção individual de Jean Paul Gaultier foi lançada em 1976 e o estilo único e irreverente que conhecemos foi apresentado pela primeira vez em 1981, tornando-o conhecido como enfant terrible da moda francesa.

8414-jean-paul-gaultier-barbican-Matthew-Lloyd6

A EXPOSIÇÃO

A exposição “The Fashion World of Jean Paul Gaultier: From the Sidewalk to the Catwalk” no museu Barbican e está em cartaz até o dia 28 de agosto, com curadoria temática a exposição traz peças de alta-costura, figurinos e principalmente mostra a genialidade e a irreverencia do estilista.

 

 

 

A exposição traz mais de 140 peças que marcaram a carreira do estilista entre elas o corset usado por Madonna em 1990 na turnê Ambition. A peça que até então era considerada uma lingerie foi colocada em destaque pela diva do pop, essa inversão da função do corset é em grande parte o motivo pelo qual a peça virou um ícone de sensualidade e liberdade sexual.

madona

 

Gaultier também se arriscou no segmento dos cosméticos dando visibilidade ao segmento. Vários de seus perfumes bateram recordes de vendas por anos seguidos. O primeiro, feminino, Classique Jean Paul Gaultier foi lançado em 1993 da família aromática oriental floral e a embalagem remetendo ao corpete criado para Madonna. Por pertencer à família oriental floral esse perfume como o próprio nome diz é ideal para mulheres que se consideram Clássica.

perfumes

O masculino Le Male também foi um sucesso e continua sendo o mais vendido em muitos países na Europa, da família Oriental Fougerè combina muito bem com homens Sedutores.  Assim como as peças que apresenta nas passarelas seus perfumes são inovadores e são apresentados em frascos que lembram corpos e não podiam deixar de ser mostrados na exposição.

A exposição também as peças, feitas na década de 1980 e toda a inspiração nos punks, onde podemos perceber ainda mais a genialidade de Jean Paul Gaultier que a mais de 20 anos apresentou peças que ainda hoje podem ser consideradas tendência. Peças camufladas, xadrez, jeans rasgados e a bandeira britânica. Sem ir muito longe se olharmos com atenção as ultimas temporadas de inverno vamos ver todos esses itens aparecerem com uma tendência, mas Jean Paul Gautier já havia percebido isso há algum tempo.

tendencia

O QUE EU ACHEI

Foi no museu Barbican uma exposição com as roupas de passarela. A exposição está incrível, os manequins te vida própria com a ajuda de projetor, logo na entrada como mostra no vídeo Jean nos apresenta a coleção e fala um pouco de seu look! O que me impressionou o quanto todas as peças, acessórios e sapatos estavam intactos parecendo q o desfile tinha sido ontem é o quando o estilista é minucioso e detalhista em suas criações!

 

 

 

 

 

 

O que achou? Deixe seu comentário abaixo:

comentários